Campanha de Abril da OTW: Foco no Fanhackers

 

Construindo Caminhos – Organização para Obras Transformativas – Campanha de Abril – 3-9 de abril de 2014

Você se empolga com discussões sobre fandom na mídia ou no meio acadêmico? Então você pode ser um fanhacker!

Fanhackers é um dos mais novos projetos da OTW, lançado ano passado no Tumblr e WordPress. A meta do projeto é tornar acessíveis a pessoas interessadas pesquisas sobre fãs, acadêmicas ou não. No momento, a equipe Fanhackers está focando em trazer para perto dos próprios fãs estudos acadêmicos sobre fandoms, reblogando links e citações que possam ser de interesse.

O compromisso da OTW com o fascinante mundo dos estudos de fandom e de mídia não se limita a divulgar e incentivar pesquisa acadêmica. A equipe Fanhackers também quer facilitar diálogos entre fãs que realizam estudos acadêmicos e o fandom em geral, ativamente promovendo os resultados desses estudos dentro do fandom, e mostrando a autorxs de estudos a grande quantidade de material analítico que o fandom e seus integrantes criam sobre si mesmos. Fãs muitas vezes não tiveram a oportunidade de ver os maravilhosos estudos acadêmicos realizados sobre as comunidades e as mídias que tanto amam, e o Fanhackers se orgulha de conectá-los a excelentes trabalhos de pesquisa que merecem mais atenção!

A presença do Fanhackers no Tumblr está focada em citações de estudos acadêmicos, tanto novos quanto clássicos, sobre fandom e mídia. A cultura do Tumblr, que incentiva o compartilhamento de citações, se provou o meio perfeito para divulgar esses estudos para um público maior; é maravilhoso poder ver centenas de seguidores que gostam e compartilham o que foi publicado. O Fanhackers também tem feito live-blogging dos nossos recentes chats públicos sobre O Futuro das Obras de Fãs.

Olhando para o caminho à frente, um dos maiores projetos ao qual a equipe do Fanhackers vem se dedicando é a compilação de uma bibliografia abrangente de pesquisas no campo de estudo de fãs e de mídia. Essa bibliografia, que ainda é um trabalho em progresso, atualmente contém cerca de 1.800 itens, e em breve contará com contribuições de fãs ao redor do mundo. A meta é que esse recurso se transforme numa fonte de conhecimento o mais completo e inestimável possível para qualquer um interessado nesse campo. A equipe de Fanhackers também espera focar especificamente em obter links e informações sobre estudos de fandoms provenientes de países e idiomas diversos. Até agora, os estudos acadêmicos em inglês e japonês são a maioria, mas a equipe está de olho em novas contribuições! (Sinta-se a vontade para criar uma conta Zotero e participar da diversão!)

Esse será outro grande passo em direção a facilitar o uso das fontes disponíveis para pesquisas sobre fandoms; em primeiro lugar, fazendo com que elas sejam mais acessíveis e fáceis de localizar.

— Nós esperamos que essa bibliografia se torne um recurso útil para qualquer pessoa que queira encontar informações sobre fãs ou citações para usar em textos que requeiram fontes acadêmicas — diz Nele Noppe, líder da equipe Fanhackers. — Como a Wikipédia! Ou uma pesquisa sobre doujinshi!

Nós temos grandes planos e esperanças para esse projeto e para o Fanhackers! Por favor nos ajude a continuar tornarndo trabalhos acadêmicos sobre fandom mais acessíveis e próximos a fãs: faça uma doação!

 

Campanha de Abril da OTW: Foco em Transformative Works and Cultures

 

Construindo Caminhos – Organização para Obras Transformativas – Campanha de Abril – 3-9 de abril de 2014

O que é que te empolga em relação aos estudos acadêmicos no fandom?

— O que me empolga — disse Karen Hellekson em 2008 — é uma publicação acadêmica que acolhe, ao invés de debochar ou rejeitar, estudos de fãs como um tópico (…) que toma como dado que fãs fornecem algo de valor para nossa cultura, algo que deve ser estudado.

Essa publicação acadêmica é Transformative Works and Cultures (Obras e Culturas Transformativas) – TWC: dirigida, revisada, editada, e financiada por membros da OTW e fãs como você.

A TWC é uma publicação com contribuições de acadêmicxs do estudo de fandoms do mundo inteiro. Editada por Hellekson e Kristina Busse, a TWC produziu 15 edições até o momento, com fascinantes contribuições em tópicos desde fan videos até trabalho no fandom e o seriado Supernatural.

Outra razão para se empolgar: a TWC é completamente gratuita para o público, e tem sido dessa forma desde seu lançamento. Publicações acadêmicas tradicionalmente têm acesso restrito a pessoas com afiliação a universidades. Muitas vezes você tem que pagar de 30 a 40 dólares para ter acesso a um único artigo. Mas a nossa é uma publicação de acesso aberto online (Open Access Gold): gratuita para todo mundo. Além disso, nossa licença Creative Commons permite que qualquer pessoa reimprima os artigos de graça. Esses são os príncipios essenciais por trás da TWC, que facilitam nossa meta de conectar acadêmicxs e fãs através de ideias comuns de comunidade e acessibilidade. Por essa razão, a publicação também tem um espaço aberto para fãs não acadêmicxs darem a sua opinião em todas as edições: a seção ‘Symposium’.

Em 2013, a TWC obteve grande visibilidade e posicionamento acadêmico para os seus artigos. Hellekson considerou isso “uma grande vitória para a TWC e o reconhecimento da alta qualidade dos trabalhos que publicamos, “ e também um bom sinal para o meio acadêmico online.

Recentemente, as editoras Hellekson and Busse coletaram em um volume uma série de textos fundamentais sobre fandom. Os direitos autorais da obra The Fan Fiction Studies Reader vão direto para a OTW.

Então, qual é o próximo passo? A equipe da TWC continua trabalhando duro — o volume 16 já está pronto, e o 17 está a caminho — e planejando conter mais sobre outras áreas de estudos acadêmicos sobre fãs, incluindo mais fandoms não ocidentais e fandoms de esportes e música, e “experimentar com novas formas digitais de estudos acadêmicos”.

Trazer a TWC para você é uma jornada árdua. A equipe editorial, membros do time e acadêmicxs trabalham a maior parte do tempo nos bastidores : solicitando artigos de alta qualidade, revisando-os, e lançando cada edição sem atrasos, editorizada e diagramada com perfeição. Para a comunidade da TWC, cada edição é um marco: é o produto de centenas de horas de instigante e fascinante trabalho acadêmico.

Se isso também te empoga, considere dar seu apoio aos estudos acadêmicos de alta qualidade e abertos para todos da TWC: por favor faça uma doação hoje!

 

Campanha de Abril da OTW: Foco no Jurídico

 

Construindo Caminhos – Organização para Obras Transformativas – Campanha de Abril – 3-9 de abril de 2014

Se você já sofreu o impacto de uma notificação formal de retirada, você sabe que detentores de direitos autorais nem sempre agem da forma correta, nem reconhecem a legitimidade e o valor da atividade de fãs. É por isso que o time de Assistência Jurídica da OTW está de plantão para defender o fandom e a importância da doutrina de “fair use” (uso razoável) e de obras transformativas.

Quando não estão ajudando fãs a lutar contra plágio e exploração corporativas, contra notificações judiciais e extrajudiciais de retirada, o Jurídico trabalha com uma perspectiva mais ampla. Quando governos analisam questões de “fair use” (uso razoável) e direitos autorais, o comitê Jurídico da OTW está lá, agindo em favor dos direitos de fãs e em prol da criatividade dos fãs.

Segue uma linha do tempo listando os esforços recentes da equipe Jurídica em defesa de obras transformativas (como obras de fãs!) no direito autoral:

  • Em 2013, o Jurídico apresentou pareceres amicus curiae nos processos Fox v. DISH e Dish v. ABC, defendendo que detentores de direitos autorais não têm controle absoluto sobre como suas obras são utilizadas: uma questão que, obviamente, é muito importante para nós como fãs, que criam e usufruem de obras de fãs.
  • Também em 2013, o Jurídico apresentou um parecer amicus curiae no caso Lenz v. Universal sobre como alegações de copyright infundadas prejudicam o “fair use” (uso razoável). Essa questão é particularmente importante no que concerne o abuso de notificações com base no DMCA (Digital Millennium Copyright Act) por parte de detentores de direitos autorais americanos.
  • Em dezembro de 2013, Rebecca Tushnet, que trabalha no Jurídico da OTW, deu depoimento perante a Administração Nacional de Telecomunicações e Informação americana para defender o “fair use” (uso razoável) em obras transformativas.
  • Em fevereiro de 2014, o Jurídico enviou comentários à Comissão Europeia sobre uma possível reforma no direito autoral da UE, tentando ajudar a assegurar que o resultado final respeitará as obras transformativas.

Nosso time jurídico dedica-se também a acompanhar notícias atuais que afetam o fandom: casos e causas que possam ter impacto nos seus direitos de criar e acessar obras de fãs. O time escreveu sobre direitos autorais no Canadá, sobre os debates da Parceria Trans-Pacífica (Trans-Pacific Partnership – TPP), sobre aspectos de direito chinês que afetam obras transformativas, e outros, ajudando a nos manter em dia com acontecimentos que possam ter um impacto no fandom.

O time de voluntários pro bono do Jurídico da OTW quer ajudar o fandom a entender as leis que nos afetam, e a ajudar a lei a respeitar o que fazemos. E é claro, o time também tem o papel fundamental de prestar consultoria jurídica para a própria OTW, ajudando todos os nossos comitês e projetos com conselhos e assistência: o Jurídico é essencial para a existência e funcionamento da OTW.

Por favor faça uma doação para ajudar nosso Jurídico a continuar trabalhando!