Em memória do Yahoo! Grupos

Atribuição da imagem: O Fogo de Alexandria, xilogravuras de Hermann Göll, 1876, composição feita pela Equipe do Projeto Yahoo-Geddon.

Hoje, após 20 anos servindo as comunidades de fãs e além na internet, o Yahoo! Grupos foi encerrado. A decisão foi comunicada pela Verizon em 14 de outubro deste ano.

O Yahoo! Grupos foi uma combinação de fórum de discussão e lista de e-mails lançada em 1999 e rapidamente tornou-se um ponto de concentração de atividades de fãs. O Yahoo! Grupos e outros serviços similares permitiram que fãs customizassem suas experiências em fandom em níveis até então impossíveis, e os Grupos de fãs variavam em escopo de gênero a fandom, a ship, a personagens individuais.

Embora o Yahoo! Grupos tenha sido imensamente popular nos seus dias de glória nos anos 2000, ao longo do tempo foi perdendo seu público. A Yahoo passou a investir menos trabalho na manutenção do serviço e, por isso, perdeu-se muito da sua funcionalidade. Mais notavelmente, você pode se lembrar do anúncio da Verizon de 16 de outubro de 2019, de que todas as mensagens e arquivos do Yahoo! Grupos seriam apagados até 14 de dezembro de 2019 e que o serviço continuaria existindo apenas como uma lista de e-mails sem armazenar nenhum registro das mensagens e arquivos publicados nas listas.

Com tão pouco tempo para salvar quase 20 anos de publicações, imagens e outros conteúdos insubstituíveis, fãs, conservacionistas e responsáveis por moderação rapidamente se organizaram e entraram em ação. A Equipe de Arquivo tomou a dianteira nos esforços de preservação do Internet Archive, com algumas pessoas se voluntariando para escrever códigos para fazer o download de conteúdo e dúzias entrando em grupos para garantir que seu conteúdo seria resgatado. Paralelamente, a comunidade de fandom rapidamente formou o projeto Yahoo-Geddon e, com a ajuda de mais de 200 pessoas, começou a se concentrar no arquivamento de grupos de fandom usando as ferramentas desenvolvidas pela Equipe de Arquivo e PG Offline e se comunicando através de um servidor de Discord centralizado e um Tumblr. Junto a grupos preservacionistas como o Yahoo Groups Crusade, espalharam informações, procuraram jornalistas e pediram ajuda voluntária com os esforços paralelos de preservação de grupos da Equipe de Arquivo e do projeto Yahoo-Geddon. Enquanto isso, o comitê Portas Abertas da OTW (Organização para Obras Transformativas) criou o Projeto de Resgate do Yahoo Grupos para divulgar informações e ajudar responsáveis por moderação a arquivar seus grupos no Archive of Our Own – AO3 (Nosso Próprio Arquivo), e escreveu uma Carta Aberta à Verizon pedindo para adiarem a eliminação do conteúdo.

A velocidade e volume de pessoas envolvidas na organização do fandom teve um benefício secundário: conseguiram direcionar o foco da Equipe de Arquivo para a preservação de grupos de fandom públicos de uma forma que foi impossível para outras comunidades, assegurando maior representatividade da comunidade. Por sua vez, a equipe voluntária do Yahoo-Geddon apoiou os esforços de preservação mais amplos da Equipe de Arquivo, ajudando a resgatar grupos de culinária, de genealogia, em língua estrangeira e muitos outros.

Esses esforços não foram completamente em vão: a Verizon estendeu o prazo até 31 de janeiro de 2020; a Equipe de Arquivo conseguiu preservar mais de 1 milhão de grupos; a equipe do Yahoo-Geddon salvou cerca de 300 mil grupos com temática de fandom; centenas ou milhares a mais foram salvos por membros ou pela moderação alertada sobre a eliminação pelos nossos esforços coletivos; muitos outros grupos vão adicionar seus conteúdos de fãs ao AO3 como projetos do Open Doors (Portas Abertas)! Porém, isso é pouco em comparação com a estimativa de mais de 10 milhões de grupos que foram perdidos — equivalente aos estimados 90% dos filmes produzidos antes de 1929 que foram perdidos para sempre por ninguém ter se preocupado em preservá-los.

Conservação digital exige tempo e dinheiro, e as grandes companhias que atualmente armazenam muitos dos nossos dados não os valorizam o bastante para investir na sua preservação. Porém, isso é história — a nossa história — e vamos lutar para impedir que ela desapareça sem deixar rastros. Esperamos que você se junte a nós.


A OTW é uma organização sem fins lucrativos responsável por vários projetos, incluindo AO3, Fanlore, Portas Abertas, TWC e Ativismo Jurídico. Somos uma organização administrada por fãs, mantida por doações e com uma equipe inteiramente voluntária. Para mais informações sobre nós, visite o site da OTW. Saiba mais sobre a nossa equipe de Tradução, que traduziu esse post, na página do comitê de Tradução.