Imagem criada por caitie de um jornal com os nomes e logótipos da OTW e dos seus projetos nas páginas.

Newsletter de setembro de 2016, Volume 106

I. ELEIÇÕES

Realizou-se a Eleição de 2016 para a Direção da OTW (Organização para Obras Transformativas) e foram publicados os resultados! Parabéns aos novos membros da Direção, Kristina Busse e Priscilla Del Cima! Os seus mandatos iniciar-se-ão no dia 1 de novembro. Desejamos-lhes tudo de bom durante o seu serviço.

Agradecemos a todas as pessoas que se candidataram e a todas as que participaram, particularmente às que estiveram presentes nas duas conversas com as pessoas candidatas no seu novo formato. A equipa de Eleições também gostaria de agradecer a todos os comités que tornaram isto possível; foi um verdadeiro esforço de equipa.

A eleição do próximo ano será, em princípio, em agosto, mês que pretendemos fixar como a nova data permanente para as eleições.

Caso o processo sofra quaisquer outras alterações, publicaremos as atualizações no website de Eleições, na conta no Tumblr das Eleições da OTW, na conta de Twitter das Eleições da OTW e nesta newsletter. Ler mais

Sinful Desire Chegará em Breve ao AO3

Sinful Desire, um arquivo de ficção de fãs de Sobrenatural sobre Wincest e J2, está a ser importado para o Archive of Our Own – AO3 (O Nosso Próprio Arquivo).

Neste artigo:

Contexto

O Sinful Desire foi criado em abril de 2006 e, dez anos mais tarde, hospeda quase 4.500 histórias e tem mais de 3.500 membros. No entanto, o arquivo funciona com uma versão antiga do software eFiction e spambots e outra manutenção técnica, bem como os custos financeiros, tornam difícil para spiffyartgirl, que administra o site, continuar a manter o Sinful Desire tal como é. Para preservar as obras do arquivo e permitir que continue a crescer, o Portas Abertas irá trabalhar em conjunto com uma equipa de migração para importar o Sinful Desire para uma coleção separada e pesquisável com a sua própria identidade. Eventualmente, os links que levam ao site antigo serão redirecionados para a coleção no AO3 de modo a que as obras possam continuar a ser encontradas com os seus URLs antigos. Iremos começar a importar obras do Sinful Desire para a coleção no AO3 depois de agosto.

O que é que isto significa para pessoas criadoras com obras no Sinful Desire?

Esta é a parte em que pedimos a tua ajuda!

1. Se já tiveres uma conta no AO3 e publicaste aí obras do Sinful Desire, por favor contacta a equipa do Portas Abertas com o(s) teu(s) pseudónimo(s) do Sinful Desire e endereço(s) de email para que não importemos as tuas obras. (Por favor inclui “Sinful Desire” no assunto.)
Para instruções sobre como adicionar obras em massa à nova coleção no AO3, Sinful Desire, por favor consulta o website do Portas Abertas.

2. Se ainda não tiveres uma conta no AO3 mas gostarias de ter uma para importares as tuas próprias obras, por favor contacta a equipa do Portas Abertas com o(s) teu(s) pseudónimo(s) no Sinful Desire e endereço de email preferido para te enviarmos um convite para o AO3. (Por favor inclui “Sinful Desire” no assunto.)
Para instruções sobre como importar obras e adicioná-las à coleção Sinful Desire, por favor consulta o website do Portas Abertas.

3. Se ainda não tiveres uma conta no AO3 mas gostarias de ter uma, bem como assistência na importação das tuas obras, por favor contacta a equipa do Portas Abertas com o(s) teu(s) pseudónimo(s) no Sinful Desire e endereço de email preferido para te enviarmos um convite para o AO3. (Por favor inclui “Sinful Desire” no assunto.)
Assim que a tua conta estiver configurada, diz-nos o teu nome no AO3 e podemos transferir as tuas obras para a tua conta depois de as importarmos.

4. Se NÃO quiseres que as tuas obras sejam importadas, por favor contacta a equipa do Portas Abertas com o(s) teu(s) pseudónimo(s) no Sinful Desire e endereço(s) de email para que não as adicionemos. (Por favor inclui “Sinful Desire” no assunto.)

Se não te importas que a tuas obras sejam preservadas mas não queres que o teu nome continue associado a elas, por favor diz-nos — podemos orfanar as tuas obras em vez de as abandonar para serem apagadas.

Todas as obras importadas em nome da pessoa criadora serão associadas ao seu nome na assinatura da obra. À medida que importamos obras, iremos enviar notificações por email para o endereço associado à obra. Quando todas as obras tiverem sido importadas, o comité do Portas Abertas irá configurar os redirecionamentos de URL.

Todas as obras importadas serão definidas para serem visíveis apenas a membros do AO3 com sessão iniciada. Podes escolher torná-las visíveis publicamente assim que assumires a autoria das tuas obras. Após 30 dias, todas as obras importadas que não tenham sido reclamadas serão redefinidas para serem visíveis a todas as pessoas visitantes.

Se já não tiveres acesso à conta de email associada com a tua conta no Sinful Desire, por favor contacta a equipa do Portas Abertas e iremos ajudar-te. (Se tiveres publicado as tuas obras noutro sítio ou tiveres uma forma fácil de confirmar que são tuas, fantástico; se não, iremos trabalhar com a moderadora do Sinful Desire para confirmar as tuas alegações.)

Se ainda tiveres questões…

Se tiveres mais questões, visita as Perguntas Frequentes (FAQs) do Portas Abertas, contacta o comité do Portas Abertas ou deixa um comentário nesta publicação e iremos responder o mais rapidamente possível.

Também adoraríamos se fãs pudessem ajudar-nos a preservar a história do Sinful Desire na Fanlore. Se nunca editaste um artigo numa wiki, não te preocupes! Consulta o portal de novo visitante ou pede algumas dicas às Pessoas Jardineiras da Fanlore.
Estamos muito felizes pela oportunidade de preservar o Sinful Desire!

—A equipa Portas Abertas

Este artigo de notícias foi traduzido pela equipa voluntária de tradução da OTW. Para saberes mais sobre o nosso trabalho, visita a página de Tradução em transformativeworks.org.

Newsletter de julho de 2016, Volume 104

I. A EQUIPA LEGAL DA OTW DEFENDE A FANDOM

No mês de julho, a equipa Legal trabalhou com vários aliados para submeter uma carta amicus curiae ao Supremo Tribunal dos Estados Unidos da América no caso de Star Athletica contra Varsity Brands. Na carta, argumentámos que as leis de direitos de autor não deviam ser alargadas para incluir design de vestuário. O caso é sobre uniformes de chefes de claque, mas há quem argumente que poderá ter um impacto em cosplay. Seja qual for a conclusão do caso, a OTW (Organização para Obras Transformativas) acredita firmemente que cosplay e outras ocupações de costura e criação por fãs continuarão a ser permitidas por lei, contudo esta carta transmite uma mensagem importante sobre o valor da criatividade de fãs acerca de design industrial e de vestuário.

No início do mês, a equipa Legal escreveu sobre novas “Diretrizes para Filmes de Fãs” da CBS/Paramount. Como sempre, em julho, a equipa Legal também respondeu a várias questões de fãs, muitas das quais sobre preocupações com essas diretrizes. As diretrizes também foram um grande tópico de discussão na Comic Con de San Diego, onde a líder da equipa Legal Betsy fez uma apresentação num painel intitulado “Escola de Direito para Banda Desenhada 303: Novas Revelações”. O painel discutiu utilização livre, filmes de fãs, fanart e outros tópicos “populares”. Também na Comic Con de San Diego, os aliados da OTW, Re:Create Coalition, revelaram “Um Dia Na Vida da Utilização Livre: Uma Espécie Diferente de Superherói na Comic-Con”, onde mostraram de que forma os direitos de autor e utilização livre tornam eventos como a Comic Con possíveis.

O mês de julho também viu a culminação de algum trabalho que a equipa Legal tem feito nos últimos meses, com a ajuda de estudantes da Glushko-Samuelson Intellectual Property Clinic (Clínica de Propriedade Intelectual de Glushko-Samuelson) da Faculdade de Direito da Universidade Americana de Washington. Dirigimos com sucesso uma petição para o Conselho de Trademark Trial and Appeal Board do Ministério de Patentes e Marcas Registadas dos EUA para cancelar o registo da palavra “fandom” para serviços de entretenimento. Apenas mais um sucesso no nosso esforço para combater a apropriação comercial da fandom e da cultura de fãs!

Ler mais